quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Vereador preso toma posse em Itapiúna e recebe apoio da população



Por Aracoiaba News - Cercado por eleitores e escoltado por policiais militares, o vereador Francisco Alberto Leite Barros Filho (PDT) deixou a Câmara Municipal de Itapiúna, a 110 quilômetros de Fortaleza, após tomar posse, e retornou à cadeia da Cidade. Albertin, como é conhecido, está preso desde 4 de novembro do ano passado sob acusação de matar adversário político no dia do primeiro turno das últimas eleições, em 2 de outubro. Ele assume terceiro mandato sendo o vereador mais votado. Contudo, deve pedir licença das funções amanhã. É que o parlamentar não recebeu autorização para ser conduzido às reuniões da Casa enquanto cumprir prisão preventiva.

A assinatura do termo de posse ocorreu por volta de 9 horas de ontem. A sala principal da Casa foi ocupada por cerca de cem apoiadores do pedetista. Eles carregavam cartazes com frases de apoio, gritavam pedidos de liberdade e rezavam. Com a sala cheia e a falta de espaço, maior parte da multidão sequer conseguiu chegar à cerimônia. Muitos ficaram em ruas próximas, observando a chegada e a espera da saída do parlamentar.

Para os eleitores, o vereador é inocente e foi “injustamente” incriminado no caso. “Ele sempre foi bem votado e os adversários ficaram com inveja. É uma pessoa que faz muito pelo povo. Se ele se candidatar dez vezes, dez vezes eu voto nele”, garantiu a dona de casa Reginalda Coelho enquanto aguardava na porta da Câmara. A sessão durou cerca de 20 minutos. Na saída, Albertin abraçou, emocionado, algumas pessoas. Eles fizeram um corredor até a viatura que conduziu o vereador de volta à cadeia. Alguns choravam e se ajoelhavam diante dele.

Morador de Itapiúna, que pediu para não ser identificado, criticou a comoção. “Dá vontade de arrumar as coisas e ir embora. Acho ridículo, um retrocesso democrático e um uso indevido do aparelho eleitoral”, lamentou. Para Paulo Roberto (PMDB), presidente da Câmara e adversário político do parlamentar mais bem votado, a situação exige cautela. “Até o dia do julgamento ele é inocente. Eu fiz o que tinha de fazer: apossei o vereador. Agora, fica a vontade do juiz de liberar ele para as sessões”, esclareceu.

Albertin

A investigação de homicídio que pesa contra Albertim ocorreu em Barra Nova, localidade de Itapiúna e reduto político do pedetista. A vítima, Antônio Gésio Prudêncio Alves, foi atingida por disparo de arma de fogo na cabeça. No momento da morte, ele trabalhava para Dário Coelho (PMDB), adversário político do acusado. 

“Não é nem estar na hora e no lugar errado. Ele, na verdade, não estava nem no lugar. O Albertim estava em casa, a Justiça sabe disso”, defendeu Chernoviz Filho, primo do parlamentar. Ele esclareceu que não havia desavenças entre o familiar e a vítima. “Deram uma conotação política ao crime, dizendo que meu primo tinha dado anuência, coisa que nunca ocorreu”, garantiu. (Colaborou Jéssika Sisnando)

Como são feitas as bonecas sexuais ultrarrealistas?

Bonecas sexuais é o sonho de muitos homens!

POR O LOXA -A existência de bonecas sexuais por si só já é algo que desperta a nossa curiosidade, principalmente pelo fato de que esses brinquedinhos estão cada vez mais realistas e bem-feitos. Para conhecer esse universo ainda mais a fundo e a respeito desse mercado que só parece crescer, descobrimos que uma das maiores fábricas de bonecas sexuais fica nos EUA, nas proximidades de San Diego, na Califórnia.

O processo de criação dessas bonecas é muito mais criterioso do que se imagina em um primeiro momento. Cada uma delas é modelada, pintada e finalizada com máximo cuidado, para que o resultado seja o mais realista possível e para que os clientes aceitem pagar cada centavo dos US$ 6,5 mil que elas custam – o equivalente a mais de R$ 26 mil.

Prefeitura de Aracoiaba inicia recadastramento de servidores efetivos.

Por Site da Prefeitura Municipal de Aracoiaba

A Prefeitura de Aracoiaba (CE) iniciou na manhã desta segunda-feira (16), o processo de recadastramento de servidores municipais efetivos. O recadastramento tem como finalidade a necessidade de atualização periódica dos dados cadastrais dos servidores públicos municipais de caráter efetivo, sendo necessária a identificação do servidor, do perfil funcional, lotação, enquadramento funcional, bem como outras informações fundamentais para a Prefeitura, bem como dar maior controle e celeridade à Secretaria Municipal de Administração com a finalidade de buscar a melhoria da qualidade das informações como instrumento de gestão de recursos humanos.
O recadastramento acontecerá no período de 16 de janeiro a 16 de fevereiro de 2017, no horário de 7:30 as 13:30 horas, na sede das secretarias municipais a que o servidor esteja vinculado, sendo que o recadastramento é obrigatório.
Para fazer o recadastramento o servidor deverá preencher o formulário do servidor público municipal efetivo, munido de sua documentação pessoal.
De acordo com o Secretário de Planejamento e Gestão, Raimundo Lopes, essa medida está sendo tomada visando a atualização e organização da Prefeitura Municipal de Aracoiaba. “É uma espécie de censo dos servidores, quantos são, quem são e onde estão lotados. Visando melhorar o atendimento à população. Com o recadastramento, o município passa a ter um controle efetivo do gasto público com vistas a coibir desperdícios e otimizar a utilização dos recursos públicos.”, finalizou.
O servidor público municipal que não realizar o recadastramento no período estabelecido terá suspenso o pagamento dos seus vencimentos, que só serão restabelecidos após a regularização do recadastramento feito pelo servidor municipal.