quinta-feira, 26 de março de 2015

Periscope é a resposta do Twitter ao Meerkat. Mas será suficiente?


A aplicação do Twitter que tenta atrair os utilizadores para a partilha de vídeos em direto foi lançada hoje para iPhone. Resta saber se é suficiente para fazer esquecer o sucesso do serviço rival.

A Meerkat é uma aplicação que permite aos utilizadores, em apenas dois segundos, iniciar uma transmissão em direto para todos os seus contactos do Twitter. A facilidade de utilização e o conceito diferenciador catapultaram o serviço para a fama. Nos EUA não se fala de outra coisa. A Meerkat é sem dúvida a aplicação do momento.

Na semana passada tinham surgido rumores de que o Twitter avançara para a aquisição de uma startup que nem sequer tinha o produto acabado. Hoje, 26 de março, ficou-se a saber o resultado dessa aquisição.

Como resposta à Meerkat, o Twitter lançou a aplicação Periscope, que tem como base o mesmo conceito de live streaming, mas que se diferencia pelos detalhes que saltam à vista quando são analisados os dois serviços. 



1 de 7
Anterior
Seguinte

Periscope



Para aceder à aplicação Periscope tem de ser feito o registo ou login no Twitter e, só depois, poderá entrar no serviço propriamente dito. Assim que faz a autenticação, é visível uma lista de vídeos que estão a ser gravados no momento e uma outra lista com os vídeos recentemente partilhados.

Tal como na Meerkat, a Periscope permite a gravação e transmissão em tempo real do que está a acontecer à sua volta. Contudo, a proposta do Twitter permite que esses vídeos sejam visualizados até 24 horas depois da sua publicação, não havendo a obrigatoriedade de serem vistos mal sejam publicados, facto que não acontece com a Meerkat.

Tanto a Meerkat como a Periscope permitem que sejam enviadas notificações quando um utilizador publica e convida outra pessoa para um live stream. Nesta transmissão é possível conversar ou deixar comentários enquanto assiste à gravação "em direto". Ao contrário da Meerkat, no Periscope os comentários são apenas visíveis nesta aplicação do Twitter.

Outra diferença significativa entre os dois produtos é a seguinte: na Periscope enquanto visualiza o vídeo e sempre que toca ecrã, está a enviar corações - se carregar muitas vezes, estará a criar uma animação. O objetivo é o de permitir ao "transmissor" saber que existem pessoas que realmente estão a apreciar a partilha.

Além disso a Periscope, mais uma vez indo contra a Meerkat, permite que o video seja partilhado de forma privada, em vez de forma aberta e pública, dando ainda a opção de não ser partilhado sequer no Twitter. Isto permite que o utilizador consiga manter uma separação entre as diversas redes sociais que usa.

Apesar do serviço Periscope apresentar algumas características diferentes relativamente ao mais direto concorrente, o serviço está ainda em fase de desenvolvimento e nos próximos meses devem ser implementadas melhorias na plataforma.

A resposta do Twitter ao sucesso explosivo da Meerkat foi rápida. Mas é preciso lembrar que a Meerkat foi o serviço que mais brilhou durante a última edição do festival SWSX, que foi justamente o local onde o Twitter se afirmou como uma grande rede social. Será que a história vai repetir-se, mas com novos intervenientes?

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico 


FONTE: http://tek.sapo.pt/tek_mobile/ios/periscope_e_a_resposta_do_twitter_ao_meerkat_1435726.html

Um comentário:

Contato Blog Garota Mestiça disse...

Nossa, mas já?! Rs Essa Apple é muito top viu. Pena que quando é assim, demora um pouco mais para os celulares populares. Mas uma ótima matéria. Até...
www.garotamestica.com