quinta-feira, 12 de março de 2015

Americana de 34 anos vira inspiração na internet após emagrecer 360kg; veja antes e depois

MUNDO
Em 2008, Rosales pesava 500kg e afirmou ter matado o sobrinho sufocado: "Assassina de meia tonelada"
Da Redação (redacao@correio24horas.com.br)

Uma americana se tornou fonte de inspiração após perder cerca de 360kg e usar seu perfil no Facebook para narrar a luta contra a balança. Mayra Rosales, 34 anos, chegou a pesar quase 500kg.
Em 2008, a mulher se tornou conhecida nacionalmente ao dizer que havia matado o sobrinho de dois anos sufocado após rolar sobre ele. De acordo com informações do jornal 'The New York Daily News', na época, Rosales ganhou o apelido de "a assassina de meia tonelada".
(Foto: Reprodução)
Durante as investigações, a polícia descobriu que a criança morreu por ter sido agredida pela mãe e Rosales havia mentido para proteger a irmã. Muito acima do peso, as acusações contra ela foram retiradas. Em liberdade, a mulher aproveitou para fazer uma cirurgia bariátrica e emagrecer.
"Eu estava morrendo", disse Mayra à rede de televisão americana 'KTRK'. "Você podia ver no meu rosto que eu tinha desistido da vida. Antes eu vivia para comer". Atualmente, Rosales tem uma vida mais saudável e, sete anos após a cirurgia, já emagreceu mais de 300kg. Ela também foi submetida a 11 procedimentos para remover o excesso de pele.
Americana de 34 anos vira inspiração na internet após emagrecer 360kg.
(Foto: Reprodução/TLC/Facebook)
Toda a jornada de Mayra Rosales foi publicada no Facebook, onde ela faz questão de falar sobre os altos e baixos do processo. Sua página tem mais de 32 mil seguidores. "Eu me sinto renascida. Viva. Não perca a esperança e continue lutando. Só temos uma vida e vale a pena lutar por ela", aconselha.
Aos 100kg, Rosales ainda deseja emagrecer um pouco mais e chegar aos 70kg. Além disso, a americana luta na justiça para conseguir adotar os sobrinhos, filhos da irmã dela, Jaime Lee Rosales, que está presa pelo assassinato do filho de dois anos.
FONTE: CORREIO 24 HORAS

Nenhum comentário: